A Carta do Futuro

Você já ouviu falar de Bruce Lee? Ele foi um dos mais famosos atores orientais que já existiram. Em 1969, ele escreveu uma carta, um ano antes de efetivamente explodir em popularidade. Até então, Lee somente havia feito papéis secundários, pois enfrentava bastante preconceito pelo fato de ter uma origem oriental e por interpretar principalmente papéis voltados para artes marciais – não tão populares na época. No ano de 1973, logo antes de falecer, Bruce Lee já havia acumulado uma fortuna de cerca de 10 milhões de dólares, que valiam ainda mais do que valem hoje. Veja abaixo a carta e sua tradução:

bruce-lee-carta

Definição do meu objetivo principal

“Eu, Bruce Lee, serei a primeira super estrela oriental mais bem paga nos Estados Unidos. Em troca, eu darei as performances mais excitantes e prestarei o melhor em qualidade na capacidade de um ator. Começando em 1970 eu atingirei fama mundial e a partir de então, até o fim de 1980, eu terei em minha posse 10 milhões de dólares. Eu viverei do jeito que eu preferir e alcançarei harmonia interior e felicidade.

Bruce Lee

Janeiro de 1969″

 

E você, já tem um objetivo principal de vida definido? Já dizia o filósofo Sêneca: “Se um homem não sabe a que porto se dirige, nenhum vento lhe será favorável.” Sem um objetivo claro, você não chegará a lugar nenhum! Que tal começar agora a escrever a sua própria carta do futuro? Vamos ajudar você! Pegue papel e caneta.

  1. Seu sonho: defina qual é o seu maior sonho, aquilo que queima de verdade no seu coração fazer;
  2. Seu talento e vocação: defina aquilo de maior valor que você pode oferecer às pessoas para obter seu maior sonho, aquilo que você faz de melhor e ama fazer. Importante: você precisa encontrar uma relação entre seu sonho e seu talento e vocação;
  3. Meta principal de curto prazo (um ano): pense numa meta que você vai lutar para atingir em um ano;
  4. Meta principal de longo prazo (10 anos): pense numa meta que você vai lutar para atingir em 10 anos;
  5. Meta financeira: pense no valor financeiro aceitável que você deseja obter dentro desses prazos, ou de pelo menos um desses prazos;
  6. Estilo de vida: defina de que forma você prefere viver a vida;
  7. Valores principais: defina quais são os seus valores principais (até três). Valores são conquistas abstratas, como harmonia, paz, pertencimento, reconhecimento, segurança ou felicidade.

Agora vamos à montagem da carta! Você deve escrevê-la assim:

Eu, (seu nome), serei (seu sonho). Em troca, darei (seu talento e vocação). Começando em (ano que vem) eu atingirei (meta principal de curto prazo) tendo em minha posse (meta financeira) e a partir de então, até (daqui a 10 anos) alcançarei (meta principal de longo prazo), tendo em minha posse (meta financeira). Eu viverei (estilo de vida) e alcançarei (valores principais).

Você pode tirar a meta financeira de um dos prazos, se preferir. Agora que você já tem sua carta do futuro, coloque-a num lugar visível, para que possa se lembrar de atingir seu principal objetivo de vida! Importante: periodicamente, troque-a de lugar, mas mantenha-a sob a sua visão. Tudo que fica parado muito tempo se torna “paisagem”, e perde a função informativa. Além disso, você precisará definir suas metas menores que levarão você a atingir seu objetivo final! Você sabe como planejar e cumprir essas metas de forma efetiva? Confira em nosso artigo “Como criar objetivos e metas” uma ferramenta gratuita para criação de metas, além de dicas sobre como criar os objetivos e as metas certas e como encontrar os melhores meios para atingi-las.

O que achou? Comente aqui!